MÉTODO PEDAGÓGICO

A Aliança Francesa de Maceió, como parte integrante do “réseau Alliance Française” (rede das Alianças do Brasil) adota o novo método, implantado no segundo semestre de 2015: Alter Ego + Spécial AF Brésil, uma edição lançada pela Editora Hachette em parceria com a Aliança Francesa do Brasil.

Este método reúne eficácia pedagógica, uma variedade de suportes complementares, clareza e simplicidade no percurso de aprendizagem, renovando os documentos e intensificando a abordagem voltada para a ação. Conta com recursos digitais de ponta, fornecendo novas ferramentas para facilitar e enriquecer a aprendizagem.

Um outro diferencial é o caderno criado, exclusivamente, para abordar as questões interculturais entre a França e o Brasil. Para  isso, uma equipe de pedagogos brasileiros trabalhou em parceria com a editora Hachette.

Os livros Alter Ego + 1 e 2 oferecem o parcours digital, um aplicativo gratuito, no qual constam atividades interativas complementares que visam ao acompanhamento individual do processo de aprendizado.

Os temas tratados são atuais, referindo-se a responsabilidade social, política, meio ambiente, arte, turismo, estudos na França e hábitos culturais franceses, o que garantirá uma abordagem interessante e dinâmica no curso.

Alter Ego + corresponde aos objetivos do Quadro Europeu Comum de Referência para Línguas (CECRL – Cadre Européen Commun de Référence pour les Langues), o que garante o seu reconhecimento internacionalmente.

ae

 

 

NÍVEIS DE COMPETÊNCIA DO QUADRO EUROPEU COMUM DE REFERÊNCIA PARA AS LÍNGUAS

A1: Iniciante

  • Compreende e utiliza expressões cotidianas e frases simples.
  • Pode se apresentar e outros.
  • Formula perguntas e respostas básicas sobre aspectos pessoais, como o local onde vive, as pessoas que conhece e as coisas que tem.
  • Comunica-se de forma simples, com interlocutores que falem clara e pausadamente e que estejam dispostos a ajudar.

A2: Intermediário

  • Compreende frases e expressões de uso frequente, relacionadas a informações pessoais e familiares simples,  e ao meio onde vive.
  • Comunica-se, de maneira simples e direta, sobre assuntos conhecidos, em situações simples e habituais.
  • Descreve com simplicidade sua origem, formação e meio onde vive.
  • Trata de assuntos relacionados às necessidades imediatas.

B1: Independente

  • Compreende as ideias principais e expressa-se de forma simples e coerente em assuntos que lhe são familiares e de seu interesse.
  • Comunica-se na maioria das situações que ocorrem em uma viagem.
  • Descreve acontecimentos, experiências, aspirações e objetivos.
  • Expõe sucintamente razões e justificações para uma opinião ou projeto.

B2: Avançado

  • Compreende as ideias principais em textos complexos sobre assuntos concretos e abstratos.
  • Compreende discussões técnicas na sua área de atuação.
  • Conversa de forma desenvolta e espontânea com falantes nativos sem grandes dificuldades.
  • Expressa-se, de maneira clara e detalhada, sobre diversos assuntos.
  • Dá sua opinião sobre assuntos atuais e expõe prós e contras.
  • Expõe sucintamente razões e justificações para uma opinião ou projeto.

 C1: Autônomo

  • Compreende uma grande gama de textos longos e complexos e reconhece seus significados implícitos.
  • Expressa-se com espontaneidade e fluência.
  • Utiliza o idioma de maneira eficaz em sua vida social, acadêmica e profissional.
  • Trata de assuntos complexos de forma clara e bem estruturada, dominando a articulação e a coesão do discurso.
  • Capaz de entender por completo um filme sem legendas.

C2: Fluente 

  • É capaz de compreender com facilidade praticamente tudo que ouve e lê.
  •  Sabe reconstruir a informação e os argumentos procedentes de diversas fontes, seja em língua falada ou escrita, e apresentá-los de maneira coerente e resumida.
  •  Pode expressar-se espontaneamente com grande fluência e com um grau de precisão que lhe permita diferenciar pequenos matizes de significado, inclusive em situações de maior complexidade.

Provas:

Durante todo o semestre, o professor avaliará o desempenho do aluno em sala de aula através dos seguintes critérios: • expressão oral: o aluno utiliza o francês como veículo de comunicação em sala de aula. O aluno é capaz de expressar suas idéias de forma coerente, possuindo pronúncia adequada ao nível e sendo capaz de empregar de forma correta as estruturas da língua. • participação: interesse, pontualidade, freqüência (mínima de 80% para casos não justificáveis), participação espontânea, entrega (no prazo) das tarefas extra-classe. • vocabulário: o aluno utiliza vocabulário diversificado e adequado ao seu nível. • compreensão: como o aluno compreende os colegas, o professor, os textos gravados ou escritos. Além disso, na metade do semestre e na última semana de aulas, o aluno será submetido a um exame escrito, o qual visa avaliar seu desempenho e aproveitamento durante o semestre. As quatro competências avaliadas serão: Compreensão oral, Compreensão escrita, Expressão escrita, Competência gramatical.criar um blog

Nenhum comentário ainda.

Você precisa se registrar para deixar um comentário.

Nenhum trackback ainda.